Home Noticias Casos de chikungunya quintuplicam em SP, e os de dengue sobem 38%

Casos de chikungunya quintuplicam em SP, e os de dengue sobem 38%

Capital paulista registrou 35 casos confirmados em 14 semanas de 2022, contra sete no mesmo período do ano passado

por Lud Hayashi

A cidade de São Paulo registrou 35 casos confirmados de chikungunya em 2022, findada a 14ª semana epidemiológica do ano, segundo dados da Covisa (Coordenaria de Vigilância em Saúde), da prefeitura paulistana.

A quantidade é 400% superior ao mesmo período em 2021, com sete casos. O número também é o maior nos últimos quatro anos, desde que há dados da Covisa para esse período.

Consideradas somente as primeiras 14 semanas, foram seis casos em 2018, quatro em 2019 e um em 2020.

Casos de dengue aumentam 38%

De acordo com a prefeitura, considerados os dados das 14 primeiras semanas epidemiológicas de 2021 e 2022, o número de casos de dengue é 38% maior este ano (1.439) que no ano passado (1.039).

Os registros da doença haviam triplicado em 2021 em relação ao ano anterior, quando a capital paulista teve um baixo número de casos.

Artigos relacionados

Deixe um comentário