Home Noticias Empresa oferece R$ 10 mil para moradores encherem a casa de baratas (e recebe 2.500 inscrições)

Empresa oferece R$ 10 mil para moradores encherem a casa de baratas (e recebe 2.500 inscrições)

A Pest Informer, dos EUA, não esperava que tantas pessoas se candidatassem ao estudo, que durará 30 dias

por Lud Hayashi

Uma empresa de extermínio de pragas, na Carolina do Norte, Estados Unidos, está oferecendo US$ 2.000 (R$ 10 mil, na cotação atual) para moradores encherem a casa de baratas. A ideia é testar novos métodos de lidar com os insetos invasores — que são capazes de sobreviver a um desastre nuclear.

Segundo o anúncio no site da The Pest Informer, que também é uma empresa de mídia, o estudo envolverá até famílias e durará 30 dias.

Durante os testes, a casa receberá 100 baratas-americanas (Periplaneta americana, uma espécie voadora!), que, se tudo der certo, serão exterminadas com técnicas inovadoras, acessíveis e definitivas.

Como é um pedido estranho, a Pest Informer esperava receber alguns poucos pedidos e deu um prazo elástico para preencher as vagas de cobaias — até 31 de julho.

Mas o estudo recebeu nada menos que 2.500 inscrições em uma semana, o que mostra que dinheiro realmente não está fácil.

“Todos nós [ficamos] extremamente impressionados com este estudo. Esperávamos obter um punhado de respostas, mas durante a noite meio que explodiu e estamos lutando para acompanhar as inscrições”, disse David Floyd, proprietário da empresa, entrevista à National Public Radio.

Mesmo um estudo tão tresloucado tem requisitos mínimos: os participantes devem ter 21 anos ou mais; ser donos da propriedade que será infestada, ou ter permissão por escrito do dono; e não utilizar nenhuma técnica de extermínio de insetos no imóvel.

Caso as técnicas inovadoras não funcionem, a empresa dedeterizará com produtos tradicionais, e garante que em 30 dias não terão mais baratas na residência.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Adblock detectado

Por favor, apoie-nos desativando sua extensão AdBlocker de seus navegadores para o nosso site.