Home Celebridade Indiana de 110 anos que já plantou 8 mil árvores ganha homenagem

Indiana de 110 anos que já plantou 8 mil árvores ganha homenagem

por Lud Hayashi

Lembra da “Mãe das Árvores”, a indiana Saalumarada Thimmakka, de 110 anos, que dedicou parte da vida dela a preservar a natureza do país onde nasceu? Sim, ela está viva, firme, forte e acaba de receber uma linda homenagem do governo da Índia.

O ministro-chefe de Telangana, K Chandrashekhar Rao, recebeu e felicitou a ambientalista indiana  em Pragati Bhavan, poucas semanas atrás.

“Ela é de Karnataka e é uma encarnação da mãe natureza na vida real”, informou a NDTV.

A história da ambientalista

A jornada dessa idosa com a ecologia começou em 1948 e segue até hoje.

Saalumarada conta que até 1991 também contava com a ajuda do marido dela, Bikkala Chikkayya, que faleceu naquele ano.

Natural de Karnataka, no sul da Índia, Saalumarada já recebeu diversos prêmios por tudo o que fez pela ecologia. Entre os reconhecimentos, destaca-se que ela foi escolhida uma das 100 Mulheres do ano de 2016 pela BBC, recebeu o Prêmio Godfrey Phillips e foi eleita National Citizen’s Award of India.

Gerar vidas

A ideia de plantar árvores começou na década de 40, quando Saalumarada descobriu que não podia ter filhos.

Ela e o marido então começaram os plantios como forma de trazer vida ao mundo. Somente nas primeiras semanas, Saalumarada e Bikkala plantaram 385 figueiras.

Para proteger as figueiras, eles cultivaram arbustos espinhosos, evitando que os animais selvagens da região destruíssem as plantas.

E não era apenas o plantio! O casal também visitava o local para regar as plantas e, como o clima local é árido, eles ficaram encarregados de carregar água por vários quilômetros para garantir a hidratação.

Conservação ambiental

Após o falecimento de Bikkala, em 1991, Saalumarada abriu uma instituição chamada Saalumarada Thimmakka International Foundation, voltada para a conservação ambiental.

Foi quando ela ganhou voluntários que abraçaram a causa e passaram a ajudá-la no cultivo das árvores, já que o fiel companheiro dela não poderia mais.

Além do cuidado com a natureza, Saalumarada aproveitou o reconhecimento que ganhou para ajudar na educação de pessoas carentes na Índia, pois não pôde ir à escola quando criança.

A fundação dela também passou a apoiar outras causas sociais doando medicamentos, mantendo vários bancos de sangue e construindo casas de repouso para pessoas que não têm condições financeiras.

Reconhecimento mundial

O esforço e a dedicação fizeram Saalumarada ganhar 50 prêmios e, em todos eles, ela afirma que nunca fez nada pela fama. A idosa ainda reforma que espera que a história dela inspire outras pessoas a ajudar os outros e o planeta, através da sustentabilidade.

A ambientalista de 110 anos é homenageada na Índia - Foto: Facebook/ Saalumarada Thimmakka

A ambientalista de 110 anos é homenageada na Índia – Foto: Facebook/ Saalumarada Thimmakka

Saalumarada também ajuda causas como a saúde e a fome - Foto: reprodução

Saalumarada também ajuda causas como a saúde e a fome – Foto: reprodução

A idosa já recebeu alguns prêmios - Foto: reprodução

A idosa já recebeu alguns prêmios – Foto: reprodução

Com informações de Logical Indians e NDTV

Artigos relacionados

Deixe um comentário