Home Noticias Mulher aborta feto dentro do banheiro da PM, após ser agredida pelo amásio

Mulher aborta feto dentro do banheiro da PM, após ser agredida pelo amásio

por Lud Hayashi

Uma mulher de 31 anos abortou um feto dentro do banheiro da sede da Polícia Militar, após sofrer agressões por parte do seu amásio. O fato aconteceu por volta das 22h00 desta quarta feira (31).

Segundo nota da Polícia Militar, a mulher foi detida junto com mais outras 4 pessoas em uma residência onde estaria ocorrendo o tráfico de drogas. Ela e uma amiga de 40 anos, teriam ido até a referida residência para comprar drogas e acabou sendo detida junto com outros três jovens, suspeitos de estarem comercializando entorpecentes no local.
Na sede da Polícia Militar, enquanto esperava o preenchimento do boletim de ocorrências a mulher começou a passar mal dizendo que estava com sangramento e muitas dores e pediu para ir ao banheiro, onde foi acompanhada por duas policiais femininas
Depois de cinco minutos a mulher saiu e relatou que tinha sofrido um aborto e contou que momentos antes de ir ao local para comprar drogas, havia sido agredida por seu amásio de 45 anos, fato confirmado porque na briga de ambos, a Polícia Militar chegou a ser acionada e foi ao local, mas no momento a mulher não quis representar contra o companheiro.
O Samu foi acionado e encaminhou a mulher até o Hospital São Paulo para receber cuidados médicos. O Feto foi recolhido pela equipe do IML de Cianorte e encaminhado à Campo Mourão para exames de necropsia. Segundo a mulher, o feto pode ter de dois à três meses.
Os jovens suspeito de crime de tráfico de drogas, foram encaminhados à 21ª SDP para os procedimentos judiciários.

Artigos relacionados

Deixe um comentário